Mapa do Mundo de Johannes Ruysch - 1507

Abaixo está uma cópia do mapa do mundo do cosmógrafo Johannes Ruysch (c.1460-1533), que foi incluído na edição de 1507 da Geographia de Ptolomeu, publicada em Roma (Bernardus Venetus de Vitalibus). Adota uma projeção polar. Original na Biblioteca do Congresso dos EUA. À direita, uma versão ampliada da parte do Brasil.

A inscrição, em latim, colocada na área da América do Sul, pode ser traduzida como:

"Terra de Santa Cruz ou Mundo Novo".

"Em diferentes lugares essa região é habitada e muitos supõem ser outro mundo. Homens e mulheres aparecem inteiramente nus ou usando folhas entrelaçadas e penas de aves de várias cores. Eles vivem em comunidades sem qualquer religião ou rei. Vivem continuamente em guerra entre si e comem carne humana daqueles capturados. Os ares saudáveis permitem que vivam mais de 150 anos. Raramente adoecem e, quando acontece, curam-se apenas com raízes e plantas. Existem leões aqui, serpentes e outros monstros são encontrados nas florestas. Existe grande quantidade de pérolas e ouro nas montanhas e rios. Daqui, pau-brasil e cássia são levados pelos portugueses."

Texto lateral na América do Sul: "Até onde os navegadores espanhóis chegaram. Eles chamaram essa terra, por sua grandeza, de Mundo Novo. Como ainda não foi explorada completamente, não se conhece seu contorno."

Outro texto deste mapa indica que Johannes Ruysch acreditava que a Ilha de Cipango (Japão), referida por Marco Polo, seria a Ilha Hispaniola (Haiti/Rep. Dominicana).

Compare com o Planisfério de Waldseemüller, do mesmo ano.

 

◄ História do Brasil

 

Copyright © Guia Geográfico - Mapas históricos do mundo.

Documentos do Brasil do século 16, mapas antigos.

 

Universalior cogntit orbis tabula

 

Mapas Historicos Brasil

 

Brasil Ruysch

 

Johannes Ruysch

 

Historia do Brasil