História de Salvador

 

A região onde se localiza Salvador era habitada pelos tupinambás, quando, em 1501, Gonçalo Coelho, comandante da primeira expedição exploratória, comerciou com os índios e instalou  o padrão de posse português no local do atual Farol da Barra, na entrada da baía. Era 1º de novembro, dia de Todos os Santos. O local passou a ser conhecido como a Ponta do Padrão, na entrada da Baía de Todos os Santos.

Por volta de 1509, um navio, provavelmente francês, naufragou na costa da Bahia. Um dos sobreviventes, o português Diogo Álvares Correa (Caramuru) estabeleceu-se no local da futura Salvador. Surgiu o primeiro povoado com a integração de europeus.

Em 1534, a capitania da Bahia de Todos os Santos foi doada a Francisco Pereira Coutinho que veio a se estabelecer no mesmo povoado habitado por Caramuru. Em 1548, depois da morte do donatário, a Capitania foi adquirida pela Coroa Portuguesa para que nela fosse estabelecida uma povoação grande e forte, conforme as diretrizes do Regimento de Dom João III.

Em 1549 inicia-se o processo de colonização efetiva do Brasil com a fundação da sua primeira capital, a Cidade do Salvador. Seu fundador, o primeiro Governador Geral Thomé de Souza desembarcou no atual Porto da Barra, em 29 de março, e iniciou a construção da cidade-fortaleza, planejada para ser o centro administrativo do Brasil.

O traçado urbano da cidadela foi definido pelo mestre de cantaria Luís Dias, com nítida preocupação de defesa, cercada por uma paliçada. As primeiras construções foram de taipa e palha. Em 1549, Salvador já possuía pelo menos cinco igrejas: Graça, Vitória, Escada, Conceição da Praia e Ajuda. Apenas esta última era intramuros, dentro da Cidadela, e, em 1552, tornou-se a primeira catedral do Brasil.

Dos séculos 16 ao 18, Salvador era dos principais elos entre Portugal, o sul da África e o litoral da Ásia. Foi capital do Brasil até 1763.

Até o início do século 19, era a maior cidade do Brasil e a segunda maior em todo o Império Lusitano, atrás apenas de Lisboa. Até os anos 1870, era o porto mais movimentado do País.

 

Estátua de Thomé de Souza, na praça que leva o seu nome, no Centro Histórico de Salvador. A praça foi o centro administrativo do Brasil até 1763. Ao fundo, o Paço Municipal construído em 1660. Abriga hoje a Câmara Municipal de Salvador.

 

◄ História do Brasil

 

São Salvador

 

Salvador

 

Invasao Holandesa Bahia

 

Vila Pereira

 

Tome de Souza

 

Historia Brasil

 

 

Copyright © Guia Geográfico - Informações e Dados Históricos do Brasil

 

 

Historia do Brasil